segunda-feira, 2 de maio de 2016

DICA: Seu carro não pega de manhã cedinho? Saiba o que fazer



Olá Amigos Sobreviventes Urbanos

Já notaram que o Clima está mudando, é meu amigos o Inverno está chegando e com eles seus inúmeros problemas, um deles é com seus carro que não liga logo cedo. Notando este problema peculiar que assola os sobreviventes do sul do país, trouxemos aqui alguns cuidados que você portador de um carro deve tomar nestes dias de frio e geada. Espero que gostem

Cuidados com o carro no frio

As baixas temperaturas costumam pegar de surpresa os brasileiros, acostumados a um verão que dura quase o ano inteiro. Da mesma forma que pensamos nos casacos apenas quando as temperaturas caem, só nos lembramos de que, no frio, o carro precisa de cuidados especiais quando ele demorar a ligar antes de ir ao trabalho. Por isso, aumentar a atenção ao seu automóvel nesta época é tão necessário quanto checar se as roupas de cama no armário são suficientes para aquecer a sua família. Veja dicas para não ser pego desprevenido nesta temporada!

Os mais experientes devem se lembrar de um dispositivo que existia nos carros a carburador e era muito acionado nos dias frios: o afogador. A sua função era injetar sensivelmente mais gasolina na mistura de ar e combustível. Essa mistura era comprimida para gerar energia para o motor, que dessa forma alcançava a sua temperatura ideal de funcionamento mais rapidamente.

O hábito de esquentar o motor extinguiu-se com o sistema de injeção eletrônica, mas os cuidados com o carro devem ser mantidos. Com a temperatura mais baixa, os carros apresentam dificuldade na hora de dar a partida, o que sobrecarrega o sistema de ignição. “O carro tem uma temperatura ideal de funcionamento que só é alcançada após o acionamento do eletro ventilador do radiador. Por isso, no frio, essa temperatura está muito abaixo do normal quando o carro permanece parado”, explica Edson Bulhões, professor de mecânica automotiva do Senai de Vitória, no Espírito Santo.

Se para você acordar cedo e sair do ambiente quentinho do cobertor é um grande desafio, para os carros a lógica é a mesma. No frio, é melhor esperar um pouco antes de começar a sair por aí. Ao colocar a chave na ignição, vire-a até o momento em que o painel acender. Deixe passar três segundos para, então, acionar o motor. “Nessa hora, o sistema de alimentação do motor estará pressurizado, indicando o momento correto de partida do motor”, reforça. O cuidado está em não sobrecarregar o sistema elétrico. “Não ligue o carro com o farol e o ar-condicionado ligados. Dê partida primeiro antes de acioná-los”, completa Bulhões.

As partidas mais demoradas em função do frio refletem diretamente no desempenho da bateria do carro. Caso seja uma daquelas baterias não lacradas, a precaução é observar o nível de água delas e, se estiver baixo, repor com água destilada. Verificar se os plugs estão bem apertados também é uma boa prevenção. Se observar que as partidas estão demorando ainda mais, leve a bateria para fazer um teste e descobrir se chegou a hora de trocá-la.

Nos carros flex, a atenção deve ser para o etanol. “O ponto de fulgor, ou seja, a temperatura mais baixa para o início da combustão do etanol é maior do que a da gasolina”, compara o professor. Nesses veículos, os motores possuem um reservatório de partida a frio. “Mantenha-os sempre cheios de gasolina”, recomenda o especialista, principalmente se você utilizar o etanol como combustível na maior parte dos trajetos. Este reservatório de partida a frio fica no motor, independente do tanque de combustível.

O sistema de arrefecimento também merece atenção. Em locais de frio muito intenso, alguns aditivos anticongelantes podem ser utilizados. “A aditivação, porém, tem que seguir as instruções contidas no manual do proprietário do veículo”, alerta. Além dos aditivos, é importante manter o nível de fluido de arrefecimento conforme a indicação no reservatório de expansão, seguindo as instruções do manual. Por último, ter paciência durante os primeiros quilômetros de travessia. Motor, câmbio, transmissão, suspensão e freios demoram mais tempo para atingir a temperatura ideal de funcionamento e, por isso, você não pode exigir muito do seu carro nesses primeiros momentos.

E você, já teve problemas com o seu carro no frio? Acabou fazendo o quê? Comente e compartilhe com a gente!

Fonte: http://pt.wikihow.com/Ligar-um-Carro-no-Clima-Congelante-do-Inverno

Links :
LOJA USEMILITAR
Sobrevivente Urbano
Estúdio Play

Doações para o Canal:
Banco Santander
Fernando C. Z.
Ag:.4409
C/C: 01041063-6

Nenhum comentário:

Postar um comentário